Escolha uma Página

game-of-bones-xxxGame Of Thrones é uma febre no mundo todo. As pessoas que assistem a série escolhem lados, escolhem personagens preferidos, torcem para morte de alguns e para que outros vivam mais. Porém até hoje a maior treta que o seriadinho trouxe foi o problema gritante que essa geração de merda tem com os spoilers. Bom… Já vou avisando: AQUI TEM SPOILER PRA CARALHO, SEUS PAU NO CU CRIADO A LEITE COM PERA E OVO MALTINO! Só que é spoiler da paródia pornô que lançaram baseada em Game Of Thrones.

Argumento:
A história é uma mistura de várias coisas que aconteceram nas temporadas que aconteceram de 2011 a 2013. Quem viu o seriado vai entender as várias referências as situações internas da trama. Quem não viu o seriado, vai ficar boiando.

Você vai rir enquanto fica excitado:
Game Of Bones: Winter Is Cumming é, de longe, uma das paródias pornô mais engraçadas já feitas! E não estou exagerando. O filme já começa fazendo piadas com o próprio fato de ser uma paródia pornô: Lorde Varys e Tyrion Lannister (suas versões pornográficas na paródia) conversam sobre o fato de que a série original não precisa de uma paródia, por já ser extremamente sexual! Esse tipo de quebra de quarta parede vai se mantendo conforme o filme vai passando e os diálogos fazem referências a várias coisas da cultura pop.

Como pornografia até que o filme não chega a ser ruim, mas também não tem lá grandes fodas. É o mesmo bom e velho sexo descompromissado do cinema pornô norte americano atual. Loiras peitudas fazendo posições pré determinadas e clichês. De todas as cenas, talvez apenas a última, onde temos uma versão sem sal da Daenerys, salve um pouco o filme. Claro que os clichês existem por darem certo, então não precisa ficar preocupado em dormir durante o filme, só entenda que vai ter muita cena que não conseguirá te deixar de pau duro ou pepeka molhada.

Deen como Robb Stark

Deen como Robb Stark

O que salva Game Of Bones de ser “sexualmente chato” é a presença do elenco masculino, que compensa a falta de “membros grandes” com muito humor. James Deen (Robb Stark)Anthony Rosano (Gendry) entram nos respectivos papeis e encarnam os personagens colocando tantos trejeitos e sotaques que nem as atrizes conseguem ficar sem rir. Ok, isso não parece lá muito “sexual”, mas se você parar pra pensar 2 minutos, vai perceber que não tem nada mais legal do que ver atores (e atrizes) pornô rindo e se divertindo durante as cenas. No caso do James Deen é ainda melhor, porque ele faz tanta palhaçada que a Dana DeArmond fica “solta” ao ponto de parecer ter tido um ótimo orgasmo, ou ter fingido muito bem.

Minha dica:
Se você e sua(seu) namorada(o) são fãs da série, então Game Of Bones: Winter Is Cumming é praticamente um conteúdo obrigatório. Quando rolar aquela vontade de rever o seriado, faça a proposta de ver esse filme primeiro. Talvez você nem precise mais fingir que vê GoT pelas cenas de luta e pela história, porque todo mundo sabe que você tá nessa pela putaria que rola solta nos programas da HBO.

FichaTécnica
Nome: Game Of Bones: Winter Is Cumming
Ano: Dezembro de 2013
Produtora: ZERO TOLLERANCE
Duração: 162 minutos
Elenco: Anikka Albrite, Aaliyah Love, Dana DeArmond, April O’Neil, Dahlia Sky, Tanya Tate, Claire Robbins, James Deen, Anthony Rosano, Tommy Pistol, Aaron Wilcox

Trailer


E se você nunca se deu ao trabalho de ver a série, não se preocupe. Ela é baseada numa coleção de livros bem fodões. Clique na imagem aqui em baixo e compre o primeiro livro As Crônicas de Gelo e Fogo lá pelo Submarino por um precinho camarada  😉

publicidade_livro_GoT

 

 

Desde pequeno, "O crítico" é visto como um cara chato por aqueles que o conhecem. Sempre procurando analisar e desenvolver teorias, era um dos poucos adolescente que não se masturbava vendo filmes pornô. O Crítico batia punheta lendo as colunas de crítica do Rubens Ewald Filho.

Comments

comments