Bola Gato, boquete, sexo oral, chupadinha… O ato de provocar prazer físico em outrem utilizando a boca é uma das mais antigas modalidades dentro do sexo. Mas apesar de todo esse tempo, ainda tem gente que ainda não sabe como fazer a brincadeira dar certo. Não tem problema. Hoje o Dr. Pinto vai resolver seus problemas e desmistificar o bom e velho boquete.

Leitora Boca de Veludo, pergunta: “Como posso fazer um boquete melhor?”

Dr. Pinto, feliz com a pergunta, responde:

Cara leitora Boqueteira,

Fico feliz de saber que ainda existem mulheres no mundo que se preocupam em melhorar na arte do sexo oral. Sua atitude não passará despercebida no livro da vida. Mas obviamente, você precisa entender que não há uma formula para um bom boquete. Cada parceiro terá preferências diferentes. Então dependendo diretamente de quantas pirocas você chupa por vez, o resultado poderá ser totalmente diferente.

Atualmente existem vários tipos de boquetes estabelecidos, e nada impede que você mude de técnica durante a realização dos mesmos, na verdade isso é o que mais acontece. Vou tentar te ajudar catalogando aqui os 5 principais estilos de Bola Gato que existem.

Até o Inri tá na onda do bola gato!

O mais importante é você lembrar que um bom boquete é aquele que é feito com vontade. Se sua intenção é apenas agradar quem vai receber o sexo oral, já está começando no erro. VOCÊ NÃO PRECISA PAGAR BOQUETE SE NÃO QUISER. Não é crime não gostar de fazer sexo oral. Vai melhorar as coisas? Claro. Mas não existe obrigação.

Também acho legal lembrar da lei da reciprocidade: faça com os outros aquilo que gostaria que fizessem por você. Melhorar as suas técnicas do ball cat, pode te ajudar na hora de pedir ao parceiro para fazer um oralzão em você. Fique atenta, mas entenda que ainda assim não existe obrigações, apenas prazres.

Espero ter lhe ajudado na questão, e deixo abaixo um “Top 5 Tipos de Boquete”. Vai que isso te dá ideias novas  😉

Tipo 1 | Boquetão Clássico – Usa tanto a boca, como as mãos. Enquanto os lábios são usados para massagear principalmente a cabeça da piroca, as mãos realizam movimentos de massagem no corpo da piroca.

Tipo 2 | “Olha mãe, sem as mãos” – Dispensa o uso das mãos durante o ato, ficando apenas por conta da boca e o poder de sucção da(o) boqueteira(o).

It's all about the Blow Job... and Hand job....

Tipo 3 | Sorvetinho – Quando a(o) boqueteira(o) se posta a dar “lambidinhas” na cabeça da piroca, como se fosse um sorvete.

Tipo 4 | Garganta profunda – Acontece quando a(o) boqueteira(o) consegue ingerir por completo o membro de seu parceiro.

Tipo 5 | “Babo mesmo!” – Parece apenas um “sub tipo”, mas na realidade é uma categoria complexa. Constitui no boquete onde o uso da saliva é excessivo, afim de facilitar a alocação da piroca na cavidade bocal, ou apenas porque é maneiro mesmo.


Tá querendo apimentar ainda mais o boquete com o parceiro? Dá uma passadinha lá na SENSUALSEXSHOP e compra o Kung Fu, vai dar um up no teu boquete.

publicidade_gel_kung_fu

Doutor Pinto Erguido Leite Aquino Rego, nome completo desse sexólogo formado pela Universidade da Vida, com doutorado em todos os puteiros e uma experiência profissional tão grande quanto a lista de homens que já deitaram com a Sasha Grey.

Comments

comments