Vida de GP com Milene Ambrosio

Vocês pediram e nós atendemos: agora teremos uma área destinada à falar sobre garotas de programa! Apesar de ser um assunto “polêmico”, acreditamos que dar um espaço para essas profissionais é algo mais do que necessário. Porém queremos fazer isso com classe e representando a realidade, sem glamorizar a coisa toda. Então hoje começa nosso novo quadro, o Vida de GP!

Para essa primeira postagem, convidamos a GP Milene Ambrosio, uma mineirinha, loira, super gostosa que vem fazendo um tremendo sucesso no twitter. Além dos atributos físicos, a moça também é super gentil e sabe bem o que quer da vida. Mas não vou ficar de papinho furado. Confere aí a entrevista que fizemos com a Milene Ambrosio e se liga nos vídeos e fotos que ela nos passou.

PBG: Como você começou no mundo das GPs?
Milene Ambrosio: Comecei por curiosidade. Na verdade já ficava com homens casados na minha cidade, no interior. Vereadores empresários, tudo em troca de presentes e abadás para eventos. Vim para Belo Horizonte já com intenção de me prostituir.

PBG: Na descrição do seu perfil do twitter diz “tarada por #sexo“. É só pra fazer markething ou você curte realmente o que faz?
Milene Ambrosio: Eu amo o que faço! Sou uma mulher que não consigue ter prazer sozinha. Me masturbando, por exemplo (risos). Preciso de sexo!

PBG: Vimos que você tem um horário de atendimento bem diferente da maioria das GPs. Tem algum motivo em especial?
MA: Geralmente quem pode sair nesse horário são homens casados, sérios e discretos. Essa é a clientela me interessa. Assim evito ao maximo problemas com trotes, por exemplo, ou gente drogada. Além disso também estudo de noite.

PBG: Então você seleciona bem seus clientes. Por quê essa seleção? É algo que você sempre fez?
MA: Sempre fiz! Trabalho sozinha e acho mais seguro selecionar.

“Sempre tive muita sorte”

PBG: Já rolou algum problema com clientes que não souberam respeitar limites?
MA: Nunca! Sempre tive muita sorte, ou talvez consequência da seleção.

Vida de GP milene ambrosio

PBG: E como é rua rotina? Dá pra manter uma vida normal fora dos horários de trabalho?
MA: Atendo de Segunda à Sabado ate as 16hs. Então consigo manter uma vida normal, acima de qualquer suspeita (risos).

PBG: Dá pra manter relacionamentos?
MA: Pra ser sincera não me relaciono com ninguém que não seja com meus clientes desde quando comecei. Acredito que atrapalha um envolvimento bacana com meus clientes!

PBG: Tem alguma meta? Sabe quando vai para?
MA: Vida útil de uma GP é de 5 anos. Como minha genética é ótima, pretendo ficar 10 anos (risos). Tenho sim sonhos que ainda não realizei. Por mais que eu goste do que faço, metas são fundamentais.

PBG: Tem muita GP que tá virando camgirl também. Você não pensa em fazer esse “crossmidia”?
MA: Não tenho coragem! Acho que seria muita exposição.

Vida de GP

Como entrar na Vida de GP?

PBG: E para as mulheres que estão pensando em entrar par ao mundo das GPs, você tem alguma dica?
MA: Se joguem (risos). A prostituição tem sim seus riscos mas não é como se pinta. Confie desconfiando sempre. A intuição feminina nunca falha e uma GP tem que saber ouvi-la.

A Milene está no twitter com o @MileneAmbrosio, mas também dá para saber mais pelo site dela, o www.mileneambrosio.com.br.


Quer conhecer garotas lindas e super atenciosas? Dá uma olhada no Guia dos Prazeres. Você vai encontrar as melhores acompanhantes de São Paulo num só lugar. Tudo com muita discrição e sigilo.

guia_prazer_768por90

O PBG é um blog mantido por muitas pessoas que não podem ou não querem se identificar. Você pode enviar o seu texto para contato@peixebolagato.com.br, e terá sua identidade preservada.

Comments

comments

A Gerência

O PBG é um blog mantido por muitas pessoas que não podem ou não querem se identificar. Você pode enviar o seu texto para contato@peixebolagato.com.br, e terá sua identidade preservada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.